sábado, 5 de maio de 2012

Preservação na Linha Sul e Ramais

  A mata Sul de Pernambuco traz uma parte importantíssima da história ferroviária de Pernambuco. Fora as muitas ferrovias particulares de Usinas que existiram nesta região, haviam os trens que circulavam entre Recife e Maceió, Ribeirão a Cortez e a Barreiros e Paquevira a Garanhuns. Dentre todas estas linhas está o trecho ferroviário mais antigo do estado e um dos mais antigos do Brasil, compreendido entre Cabo e Palmares, que foi concluído em 1862.
  Entre os anos 1970 e 1980 todo o tráfego de trens de passageiros foi suspenso na região. Muitas estações ficaram abandonadas e fechadas por anos. O projeto da Transnordestina a partir de 2001 iniciou o trabalho de recuperação da Linha Sul entre Cabo-PE e Propriá-AL para o transporte de cargas, o que não serviu de nada às estações que continuaram, muitas, abandonadas; outras foram transformadas em centros culturais e este é o projeto formalizado entre essas cidades a pouco tempo, para preservarem suas estações para fins culturais.
  Abaixo temos algumas fotos tiradas pelo MFPE em 2010, em nossa expedição à Linha Sul.
Estação de Palmares. (Foto: Arquivo Pessoal - Janeiro de 2010).

Estação de Catende. (Foto: Arquivo pessoal - Janeiro de 2010).

Estação de Maraial.  (Foto: Arquivo pessoal - Janeiro de 2010).

Estação de Joaquim Nabuco. (Foto: Arquivo pessoal - Janeiro de 2010).

Estação de Jaqueira. (Foto: Arquivo pessoal - Janeiro de 2010).
 
  A seguir fotos de algumas estações já dentro do projeto de preservação e de outras que já eram preservadas, tais como Palmares, Jaqueira, Joaquim Nabuco, Catende. Estas fotos são de Sergio Falcetti e foram retiradas de http://www.panoramio.com/user/4769416/tags/Esta%C3%A7%C3%A3o%20Ferrovi%C3%A1ria?photo_page=2 .

Estação de Garanhuns - Linha Sul. (Foto: Sergio Falcetti).
Estação de Angelim - Ramal de Garanhuns. (Foto: Sergio Falcetti )
Estação de Canhotinho - Ramal de Garanhuns. (Foto: Sergio Falcetti ) 



Estação de Cortez- Ramal de Cortez. (Foto: Sergio Falcetti ) 


Estação de Maraial - Linha Sul . (Foto: Sergio Falcetti ) 

Estação de Palmares - Linha Sul. (Foto: Sergio Falcetti ) 

Estação de São Benedito do Sul - Linha Sul. (Foto: Sergio Falcetti ) 

Estação de São João - Ramal de Garanhuns. (Foto: Sergio Falcetti ) 


2 comentários:

  1. Parabéns André. Como você mesmo disse Pernambuco está propiciando a construção de uma das mais importantes e modernas ferrovias hoje no Brasil, mas apesar disso, nós que somos contribuintes, não fomos contemplados com esta obra, apenas a carga. Hoje nesse país o único interesse nas ferrovias é a carga, nós passageiros estamos esquecidos no tempo, do mesmo jeito que as nossas antigas estações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Gerson. Como se constrói uma ferrovia "para contemplar o povo" que nem cruza os centros das cidades? Esse é o caso da antiga linha centro que, além disso em vez de ser recuperada em seu traçado original, está sendo totalmente reconstruída gerando gastos muito mais altos.

      Excluir